+ ABOUT

MEJI

A dualidade inerente ao significado da palavra ‘Meji’, vinda da língua Iorubá, celebra a beleza da imperfeição, a potência do convívio de opostos e o equilíbrio entre o atual e o atemporal. A palavra gravada em dourado discretamente no mobiliário em aço desenhado por Rodrigo Edelstein, fundador da Meji (2013), exprime os valores que as peças carregam em seus traços despretensiosos, assim como remetem à vivência do designer no chão da fábrica de seu avô, que ele frequentou desde criança e onde aprendeu que o rústico e o industrial podem ser complementares, e que um profundo conhecimento técnico e uma execução primorosa, são essenciais na elaboração da simplicidade que hoje ele cultiva em projetos criados de forma inteiramente artesanal. 

 

Para além das funções utilitárias, o mobiliário que partilha de nossas vidas em casa, no escritório e em espaços de convivência é coadjuvante de histórias pessoais e experiências cotidianas que nutrem nossas memórias afetivas. É a partir da sua história e de suas lembranças que Edelstein reúne o passado e o presente, funde o funcional e o emocional e adequa desenhos originais à necessidades individuais em móveis com design perene, adaptável e sem excessos, que exprimem valores contemporâneos em formas atemporais que, como nós, maturam com o tempo. 

 

Com o mesmo espírito, o showroom da Meji, em São Paulo, se abre às possibilidades que surgem do encontro com a cidade e com pessoas cujas as afinidades eletivas se entrelacem no espaço aberto ao convívio, à criatividade e à elaboração de novos projetos.

9696bd66511635.5b18523b25b13.jpg